2006-04-24

RIP BZD*



"Não basta começar bem, não adianta mediar bem; de pouco servem bons começos e melhores meios, se os fins não se mostram bem sucedidos.

(...) Uma vez começadas, as coisas não devem ser esquecidas nem deixadas antes de ser acabadas, pois é sinal de pouca prudência começar muitos actos e não acabar nenhum."

Mateo Alemán, in "Guzmán de Alfarache"


Numa agonia de meses por fim se deu o golpe final legal. Após diversas confusões e preocupações. Um sentimento de alívio misturado com frustração, desilusão e desperdício. E uma estranha aversão à cor laranja. Onde a experiência foi uma lição positiva e negativa.
Onde muito poderia ser feito, e mais se poderia ter ganho. Tal como na citação acima. Mas no fim, a perda foi maior.

1 comment:

  1. Partilho as mesmas sensações contigo.
    Procuro obter uma opinião homogénea, mas sem sucesso.
    Pensa-se no que se viveu, conseguiu, ultrapassou e ganhou. Pensa-se também no que poderia ter sido.
    Pensa-se no que se é agora. No quanto amadurecemos. Na evolução. No futuro.
    Pensa-se no melhor e no pior.
    Ficamos tristes e desiludidos ou felizes e aliviados?

    Na minha maneira pessoal de ver a vida, tento no fundo apenas isolar e ver o lado positivo das situações.
    Só assim evoluimos.

    ReplyDelete